Olá, Visitante. Por favor entre ou registe-se se ainda não for membro.
Perdeu o seu e-mail de activação?
Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão

Notícias:
Estamos de volta!

Autor Tópico: Cadeado no disco: vale o risco?  (Lida 19651 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Thruxtonic

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 6205
  • Lean. Hit the Apex. Accelerate. Stay on the bike!
    • Art&Moto
Cadeado no disco: vale o risco?
« em: Agosto 18, 2009, 01:13:08 am »
Sempre me admirei por os cadeados nos discos de travão serem tão comuns como inúteis e perigosos mas, enfim, cada um tem direito às suas manias e eu não prescindo das minhas, mas gostava de saber a vossa opinião sobre essas pequenas armadilhas. A minha é a seguinte: 

Comuns - Vêem-se imensos, alguns com um fiozinho colorido. Dizem que é para não se esquecer. Porque é que é preciso não esquecer? Bem, porque são perigosos. Para um ladrão? Não, para o dono.

Perigosos - Acontece inevitavelmente, um dia, arrancar com a armadilha colocada e ir ao chão. É incontornável. Por vezes fica-se só pela queda, mas se o arranque for à machão pode causar danos no próprio disco.

Inúteis - É a parte que me intriga mais. Porque é que se há-de por uma peça que além de perigosa é inútil excepto psicologicamente? É uma razão válida, mas se é para dissuadir do roubo, esqueçam, ou então não sabem roubar motas.

Para evitar roubos é preciso saber roubar, embora o gatuno certo roube o que quiser. Por exemplo, há gajos que roubam um país inteiro e ainda se vêm gabar disso para a televisão, porque é que não se há-de roubar uma mota? Mas adiante.

O roadkingster, o nosso gentleman que combate o crime de fato e gravata, deve saber destas coisas, mas um dos métodos é a carrinha e o pau a atravessar a roda da frente. É levantada - sim, lamento, mesmo com o cadeado no disco - e sobe por uma rampa, ou é simplesmente levantada em peso - sim, apesar do cadeado -, 4 empreendedores levantam a mota e metem-na na carrinha mesmo sem rampa. É tão rápido que o dono até pode assistir que raramente tem tempo para alguma reacção.

Isto é o método "a despachar". Outro estilo implica mais arte e tempo, basta saber fazer uma ligação directa - em certas Honda basta uma moeda - e abrir o cadeado. Como? Ora essa, no Tutubo ensinam. Por vezes é precisa uma ferramentazinha, mas já vi abrir com uma esferográfica.

Agora digam-me, acham que o cadeado no disco vale o risco?
Triumph Thruxton 900 (2004) Mk351

jcabrita

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 5990
  • If you can't race it, it ain't worth the ride
    • Portela Custom Cycles
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #1 em: Agosto 18, 2009, 09:15:20 am »
Já sabia da tua mania contra os cadeados :-\ , mas continuava a colocá-lo sempre, até ao dia em que num arranque mais apressado, atirei com a TT para o chão. Ainda levei um bocado para me aperceber do que tinha acontecido, só quando a levantei do chão :'( é que vi lá o mafarrico. desde esse dia, nunca mais...
Já me tinha acontecido a mesma coisa com a Bandit, mas sem a parte do ir ao chão  :-\ .
Bandit CR351
Bonneville Centennial

by PortelaCustomCycles

rocker_n_roller

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 5668
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #2 em: Agosto 18, 2009, 09:35:40 am »
Cadeado, não uso. Já usei*, mas nunca de disco.
 
Por um lado, pela sua inutilidade, por outro, porque um gajo tem de andar carregado com aquilo.
 
 
 
 
 
 
* usei um daqueles em aço revestido a borracha. Em andamento, andava com ele à cintura. Quando estacionava, deixava sempre a XV250 amarrada a um poste ou uma árvore. Sim, que a Virago era tão apetecível, que acabei por ficar sem ela. Devia estar bem cotada no mercado de subtraidos.
(Convenhamos que a essa altura já tinha desistido de usar o dito aluquete, e a tranca de direcção tinha deixado de funcionar).
 
 Agora, a TBS... quem é que pega naquilo?
The best place to watch a race
is in my rearview mirror surface

theroadkingster

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 1026
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #3 em: Agosto 18, 2009, 09:50:15 am »
Fato e gravata ou farda standard, depende da vontade do cliente, que paga ao meu patrão, que por sua vez me paga a mim.
No meu outro emprego uso fato e gravata porque gosto de andar bem vestido.

Voltando aos aloquetes, prefiro uma boa corrente e cadeado, tipo o kit da Abus.
Eu uso um misto corrente e cadeado de disco da Kriptonite a fechar o cadeado.
Já cai umas vezes por me esquecer de tirar o cadeado, vá lá que nunca empenei nenhum disco nem estraguei numa pinça do travão.
E da ultima vez que fui a Gibraltar parti um cadeado ao meio ao arrancar, de novo, esquecendo-me de o tirar. Fiquei a pensar no que teria acontecido se fosse um larápio a arrancar com a mota...

Sobre esse mito urbano de se abrirem os Kriptonite com uma bic amolecida pelo calor, tenho as minhas duvidas. Há muita maneira de fazer estas coisas parecerem reais no Youtube.

Mas de qualquer dos modos, sem cadeado é que não!
« Última modificação: Agosto 18, 2009, 09:56:09 am por theroadkingster »

HZolio

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 1053
  • O HZolio?Não,ele n é desses,é dos outros a seguir!
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #4 em: Agosto 18, 2009, 22:33:17 pm »
"Mais vale perder um minuto com a moto do que a moto num minuto..." alguem o disse, (na Grécia antiga?!?) e muito bem dito. Não prescindo de alguns cuidados no acto. A saber: um Kriptonite no disco (não um cadeado de 7€), alarme porreiro, tentar estacionar longe da estrada, ter uma moto que ninguem procura e que a mesma pese uns 250kg...

O cadeado mostra que o dono é (e está) atento e dá mais trabalho ao gatuno, pois se o mesmo quisesse trabalhar, fazia-o! O alarme faz algum barulho, o que é incomodo e o resto nem me vou dar ao trabalho de explicar...

Até hoje (vai-te embora azar!!!) não me aconteceu nada, quero ver se assim continua. Já me esqueci do mesmo colocado e arranquei, mas como não costumo arrancar à Doohan logo dei com a coisa e nada danifiquei... será que me está guardado o dia???



Pelo menos esta é a minha posição...  ::)
Um abraço

HZolio


"Cheap and reliable won't be fast; fast and cheap won't be reliable; fast and reliable won't be cheap..."


---------------------------

BMW R65 '85
Honda CB 750 Four '72
Honda XL 500 S '80
Suzuki GSXR 7/11 '91

HZolio

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 1053
  • O HZolio?Não,ele n é desses,é dos outros a seguir!
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #5 em: Agosto 18, 2009, 22:37:37 pm »
Ah, ia-me esquecendo...


Um pobre leigo, certo dia ao ver-me colocar o cadeado no disco, pergunta-me intrigado se tentassem roubar a moto com aquilo colocado a mesma travaria menos... "Sim, isso não deixa travar a moto, certo???"




Maldita droga...  ;D
Um abraço

HZolio


"Cheap and reliable won't be fast; fast and cheap won't be reliable; fast and reliable won't be cheap..."


---------------------------

BMW R65 '85
Honda CB 750 Four '72
Honda XL 500 S '80
Suzuki GSXR 7/11 '91

Navas

  • CR Wanabee
  • ***
  • Mensagens: 327
  • God save the twin !
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #6 em: Setembro 23, 2009, 22:20:58 pm »
Bem, eu nunca tinha tido nenhum problema até um dia á coisa de duas semanas que com as pressas esqueci o malfadado objecto no disco da Bonnie.  :-[
Resultado : cabo do conta-quilómetros destruído e suporte do guarda-lama danificado e não foi ao chão.
 
Rubber side down shinny side up !

dfelix

  • Ton Up
  • *****
  • Mensagens: 2537
    • dfelix.net
Re: Cadeado no disco: vale o risco?
« Responder #7 em: Setembro 24, 2009, 09:59:51 am »
...mas um dos métodos é a carrinha e o pau a atravessar a roda da frente...

No caso do ladrão solitário... há sempre o método de meter a roda da frente em cima dum skate!
 ;D

"Gluten-free before they sold out fashion tattooed fingerstache mixtape. Next level coffee art party selfies. Retro pickled vinyl."

 

SMF spam blocked by CleanTalk